Convite à santidade no espírito de Santa Ângela Merici

Pe. Zefirino Agostini, nosso Fundador, cheio de entusiasmo e desejoso do crescimento na vida de santidade de cada Ursulina, convida cada filha a reavivar o desejo ardente de ser santa. Pois, segundo ele, crescer no amor é percorrer o caminho da santidade.

"Dizia-vos, pouco tempo faz, que vim aqui a visitar-vos para consolar-vos reciprocamente.
A minha consolação seja por ver todas vós, Ursulinas, próprio santas, santas, santas. E não será esta uma consolação também vossa?
Uma santa Ursulina é prêmio riquíssimo a si mesma na virtude que professa. Degustar na terra as delícias do céu e sentir-se no paraíso em Deus.
Uma Santa Ursulina é como um Anjo na sua família, como um espelho de pureza e exemplaridade de costumes diante de todas, em todo lugar, em todo tempo.

É, enfim, como um tesouro da qual riqueza todos participam.
Tenhais um grande cuidado para conservar a dignidade do vosso nome de Ursulinas: «tenhais cura do vosso nome, para que esse sobreviverá a ti mais de mil grandes tesouros de ouro» não expô-lo mais às críticas: «Para que não seja criticado o nosso mistério». [...]

Caríssimas, eu repito, rezai e confiai!
A este ponto, porém, devo acrescentar ainda: e «agradecei». Sim, agradecei ao Senhor pela eleição gratuita que Ele se dignou de vos fazer, transformando-vos em prediletas esposas. [...]
Beleza do Paraíso aqui na terra, pré-anúncio de todas as belezas das montanhas eternas lá em cima no Paraíso!
Assim seja, assim seja!"

(Zefirino AGOSTINI, Escritos às Ursulinas, “Exortação à Santidade”, pp. 325-328)

Pensamento do dia:

Lança-te nos braços de Deus e deixa-o dispor da tua vida.

(Bv. Pe. Zefirino Agostini)